Arquivo do mês: março 2009

URI, URL, URN e PURL

Introduz alguns conceitos fundamentais de URI, URL, URN e PURL. Os conceitos descritos neste vídeo são bases para a compreensão de muitas tecnologias modernas que dependem de identificadores únicos…

Vídeo muito interessante, vale a pena conferir:

Deixe um comentário

Arquivado em Tecnologia e sistemas

Como rodar IE6, IE7 e IE8 no mesmo PC

A algum tempo atrás postei aqui uma solução para rodar o IE6 e o Ie7 no mesmo PC, onde a solução consistia em utilizar o MultipleIEs, mas muitos usuários passarm por alguns problemas alegando que ele não seria uma cópia perfeita do IE6 utilizando a engine do IE7, coisa que nunca aconteceu comigo. OK, ele tem lá seus bugs mas até então quebrava muito o galho.

Xenocode Browsers

Xenocode Browsers

Eis então que lhes apresento a solução definitiva para rodar o IE6, IE7 e IE8 no mesmo PC através do Xenocode Browser Sandbox, onde através de uma tecnologia de virtualização de Software que separa o aplicativo e o coloca funcionando fora do sistema operacional, você pode utilizar os seguintes browsers sem tê-los instalados no PC: IE6, IE7, IE8, Firefox2, Firefox3, Safari, Opera e Google Chrome.

De todos os testes que executei até agora com CSS e JavaScript, eles funcionaram perfeitamente como se fossem nativos do sistema operacional. Se alguém se habilitar a efetuar mais testes, por favor, poste a experiência nos comentários. Lembrando que você não vai mais precisar utilizar o IE6 por muito tempo, pois se deus quiser esse ano ele desaparece.

Deixe um comentário

Arquivado em Browsers

Hora do Planeta 2009

Junte-se a WWF Brasil neste movimento de alerta contra o aquecimento global.

A Hora do Planeta

A Hora do Planeta

A Hora do Planeta 2009 espera alcançar mais de um bilhão de pessoas em mil cidades ao redor do mundo, convidando comunidades, empresas, organizações e governos a participarem deste ato simbólico histórico pelo futuro da Terra.

Deixe um comentário

Arquivado em CDigital News, Diversos

Algoritmo revolucionário de redimensionamento de imagens

O vídeo acima é uma apresentação do Dr Shai Avidan, que tem um PHD pela Universidade Herbraica de Israel, trabalhou na Microsoft Research durante seu pós-doutorado, e até ontem estava batendo ponto no Mitsubishi Electric Research Laboratories. Ele é co-autor da tecnologia chamada “media retargeting”, que se dispõe a redimensionar de forma inteligente imagens para formatos e dispositivos diferentes.

O algoritmo que ele desenvolveu é impressionante. Através das curvas de energia de uma imagem detecta as áreas de maior importância, remove o que pode ser removido e consegue manter o grau de distorção no mínimo, mesmo para os casos mais radicais. O final do vídeo, onde o algoritmo é usado para remover pessoas de uma imagem é bonito de se ver também.

Ruim mesmo é ter que ouvir o cara falando “aqui usamos um simples algoritmo…” quando muito provavelmente gastaria uns 5 quadros-negros explicando para gente normal o “simples algoritmo”.

O vídeo foi mencionado dia 19 de Agosto no blog de John Nack, da Adobe. Ele é Gerente Senior de Produto para o Photoshop. Alguns dias depois saiu no TechCrunch, que com 579.000 assinantes em seu feed RSS não é exatamente um diário de adolescente. Resguardadas as proporções é o MeioBit da gringolândia. Resultado? Ontem o Dr Shai foi contratado pela Adobe. Muito provavelmente com um salário pra lá de atraente.

Fonte

Deixe um comentário

Arquivado em Plataformas, Tecnologia e sistemas, Web 2.0

Efeitos em fotos on-line

Site muito interessante de efeitos em fotos on-line. Confira: http://www.befunky.com

Befunky

Befunky

Deixe um comentário

Arquivado em Design

Screencast do Google Maps em papel

Já pararam para pensar se não existisse nenhum software para gravação do Desktop como seriam produzidos os screencasts? No vídeo abaixo você pode ver uma simulação de um screencast produzido de forma artesanal utilizando papel. O resultado é surpreendente. Confiram:

Fonte

Deixe um comentário

Arquivado em Diversos

Nova geração de navegadores

Neste começo do ano, os principais navegadores do mercado (Internet Explorer, Firefox, Safari, Chrome e Opera) ganharam novas versões.

Navegadores

Navegadores

Dos cinco navegadores, somente o Internet Explorer já conta com versão oficial (o lançamento da versão estável foi na última quinta, 19/03). Apesar dos demais serem betas, todos têm boas novidades para os internautas.
A mais importante delas é que os aplicativos estão perceptivelmente mais rápidos para carregar as páginas web – tenham elas scripts, ou não. Prova que os engenheiros investiram a maior parte do desenvolvimento no motor (engine) dos cinco navegadores.

Por conta dessa dedicação dos desenvolvedores, o internauta perceberá que, além de rápida e estável, a nova geração de navegadores não pesa muito no desempenho do sistema operacional Windows. O Internet Explorer 8, por exemplo, consome menos memória do que a versão antiga.

Serviços online

Os cinco navegadores também ganharam aperfeiçoamento nos recursos que executam os novos padrões de web 2.0. O internauta, ao acessar um serviço web 2.0 (como o Google Docs ou Zaho) verá que o carregamento será mais rápido e com menos bugs.

Os fabricantes de browser não capricharam nesses recursos à toa. Eles sabem que aumenta, a cada dia, o número de internautas usando os serviços de aplicativos online. Portanto, se o navegador não se der bem com esse tipo de serviço, estará fadado ao fracasso.

Conheça, abaixo, as características particulares de cada navegador da nova geração.

Firefox 3.1 beta 3:
nesta versão, o browser traz um modo de navegação privativa. Nele, os dados do internauta não são registrados no histórico e no cache do navegador. Os engenheiros do software também adicionaram um novo motor, que aumentou ainda mais a velocidade de carregamento das páginas com scripts e dados multimídia. No teste Acid 3 (que mede a compatibilidade do navegador com os padrões de internet), o Firefox 3.1 beta 3 conseguiu 93 pontos.

Apple Safari 4 beta: a principal novidade da versão é a interface; totalmente remodelada, ela é equipada com um sistema de abas e disposição dos comandos parecida com a do Google Chrome. Tem ainda um recurso que mostra pequenas imagens no lugar das URLs do histórico de páginas visitadas e dos favoritos. O programa também traz inovações no motor, capaz de renderizar imagens e executar scripts web com muita velocidade. No Acid 3, o Safari é campeão:  é 100% compatível com os padrões da web.

Internet Explorer 8: o navegador da Microsoft evoluiu bastante em relação à versão anterior, principalmente na velocidade e estabilidade. Mas ainda deve muito nesse quesito quando comparado aos outros navegadores. A versão 8, contudo, apresenta ao internauta boas ferramentas. Duas legais: a navegação privada (que não armazena dados do usuário) e o filtro que alerta o internauta sobre possíveis perigos em algumas páginas web. No Acid 3, o Internet Explorer deixa a desejar: dos 100 possíveis, conseguiu apenas 20.

Opera 10 Alpha: a interface do 10 é muito parecida com a do 9, a atual versão estável. Mas esse detalhe não esconde uma das principais qualidades do software: a velocidade. O Opera 10, graças a uma tecnologia chamada Presto, demonstra muita agilidade para carregar as pesadas páginas com flash ou com menus feitos em javascript. A ferramenta de e-mail do navegador também ganhou melhorias: agora o internauta pode escrever mensagens em HTML. No teste do Acid 3, o browser demonstrou 100% de compatibilidade com os atuais padrões da web.

Google Chrome beta: nessa versão, o navegador apresenta recurso de zoom das páginas web, scroll automático e o autocompletar, além de uma ferramenta que reajusta as janelas do Chrome no desktop. A inclusão delas demonstra que os engenheiros do Google começam a equipar o navegador para ganhar mercado dos outros aplicativos. Com um novo motor, a versão de testes, segundo simulações do próprio Google, é até 35% mais rápido que a estável. No teste Acid 3, o Chrome conseguiu 78 pontos.

Fonte

Deixe um comentário

Arquivado em Browsers