SQL Server 2008 Management Studio – Novas ferramentas

Um post exclusivo das novas ferramentas do SQL Server 2008 Management Studio. Sem mais delongas, pois o novo SQL Sever 2008 já foi apresentado à todos.

Microsoft Sql 2008

Microsoft Sql 2008

As novas ferramentas do SQL Server 2008 foram muito esperadas principalmente por desenvolvedores e DBAs, pela facilidade que iam levar à todos, e quem sabe até um aumento de salário, pois com elas é possível realmente agradar o chefe.

Vamos a alguma novidades mais interessantes:

IntelliSense

Com o SQL Server 2008 é possível utilizar o editor de query do ManagementStudio com o IntelliSense, que funciona basicamente igual ao do Visual Studio, que fornece recursos para completar os comandos conforme vocês os digita. Ele destaca os erros de sintaxe e digitação, além de ajudar com parâmetros.

Como opinião pessoal, acho que essa é uma das melhores ferramentas implantadas no SQL Server 2008, principalmente pelo tempo poupado na hora de digitar os comandos e na busca de erros, onde ele nos informa na hora em que acabou de ser digitado. Mas, há quem diga que não gosta da ferramenta, e por causa disso é possível desativá-lo pelo painel de ferramentas, mas, ainda confio que quem não gosta da ferramenta muda de idéia rapidinho depois de usá-la um pouco.

Object Finder

Quantas vezes você tinha que modificar alguma procedure, coluna, tabelas, mas não lembrava o nome delas? Várias não é? Desenvolvedor e DBAs são todos assim. Mas agora, o SQL Server 2008 trouxe mais uma ferramenta para facilitar a vida de todos.

Ele trás uma caixa de busca onde retorna todos os tipos de objetos, se por exemplo você lembrar que na procedure tem o nome “Cliente” bem no meio, é só fazer uma busca que ele vai retornar todos os resultados com o nome Cliente. Também é possível usar sintaxes do tipo LIKE (‘%Texto%’). Enfim, termina a vida de ficar olhando linha por linha quando não se lembra onde ela está.
Debugger para código T-SQL

Sempre, quando é necessário resolver um problema no código T-SQL há a possibilidade de usar os comandos SELECT ou PRINT nas procedures para analisar o valor da variável em execução, claro, também existem outras maneiras, mas chegam a ser mais chatas do que essa.

Seus problemas acabaram!

Com o novo Management Studio é possível fazer debug do código T-SQL. Pode inclusive executar linha por linha, colocar breakpoints e ter watches para analisar o valor das variáveis. É uma excelente ferramenta para desenvolvedores aumentarem a qualidade do produto e diminuir o tempo de produção.
Consulta em vários servidores ao mesmo tempo

Acho que essa é a ferramenta que os DBAs mais sentiram falta  nas versões anteriores do SQL Server, sem ela é necessário realizar tarefas MUITO repetitivas de administração. Mas, agora é possível, a partir de servidores registrados no seu ambiente centralizado, disparar uma query (ou comando) que vai atingir todos os servidores do grupo de uma só vez.

Error List Window

Outra ferramenta para facilitar a vida dos desenvolvedores. A nova Error List Windows da os detalhes sobre o erro, e a posição exata dele. Semelhante ao Visual Studio. E não somente indicava a linha do mesmo, que as vezes ficava difícil achá-lo, quando, por exemplo, era apenas um erro de digitação simples.

Enfim galera, essas são as ferramentas que achei mais interessante no SQL Server 200 Management Studio, mas, não são apenas elas, existem diversas novidades no novo administrador de banco de dados da Microsoft. Vale a pena uma busca mais detalhada sobre o assunto.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Tecnologia e sistemas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s